#TheVoiceWithin - Primeira Parte.





Texas, 25.12.2013.
03h00min, Demi Lovato.

     Cheguei a ficar arrepiada só de escutar sua chave arranhar alguma caixa ou parede do celeiro. O medo já tinha tomado conta de todo meu corpo e minha roupa já estava grudando de tanto suor, tentava segurar meu choro para evitar fazer qualquer barulho que pudesse entregar em que lugar estava, ou ate mesmo onde Liam estava escondido.

- Demi, onde você esta? – Jason dizia com uma voz risonha. – Deixa-me te ajudar.

     Jason: homem bem másculo, bonito e com uma aparência fácil de aceitar e difícil desconfiar. Muito pelo contrario, um psicopata, louco por sangue e onde seria meu melhor natal, agora é o pior momento de minha vida, que poderia acabar aqui. Jason iria me achar a qualquer momento, não tinha duvida sobre isto. No silencio dessa madrugada, foi mais uma vez invadido pelo grito agoniante de Selena, de um celeiro tão longe da casa do Jason, poderia escutar o desespero de Selena de tão perto.

Flashback.
California, 23.12.2013.
14h00min, Selena Gomez.

- Já disse mãe, eu vou com as meninas e com os meninos, voltarei no proprio dia 25.
- Selena, ir ao Texas só com seus amigos. – Minha mãe falou novamente.
- A deixe ir Mandy, ela juntou dinheiro, tem idade o suficiente e deu o que pedimos a ela: boas notas. – Meu pai, Ricardo, falou. – Portanto que volte no dia 25, ou mande noticia, mas nem pense ficar longe no ano novo.
- Muito obrigada pai. – Gritei, não contento minha felicidade.

    Subi as escadas correndo e me fechei no quarto, onde Justin, Demi e Miley estavam me esperando escondidos. Fiquei calma e tentei não falar muito alto com eles:

- Meus pais deixaram. – Disse, com sorriso ponta-a-ponta. – Texas, aqui vamos nós.
- Ótimo, agora está tudo certo. – Demi disse. – Nessa noite vamos pegar o carro e ir direto, vai ser muito divertido.
- Eu e o Justin já cuidamos dos principais: Bebidas, camisinhas e algumas drogas. Para aliviar a tensão de alguns. – Miley falou, tentando disfarçar mais vez referencia a mim.
- De carro? Não vai ficar muito apertado para seis pessoas? – Perguntei.
- Não Sel, não é um carro comum e sim um Chevrolet Spin Ltz, alugado especialmente para nós. – Justin falou e logo me deu um selinho. – Meninas vamos pular a janela e finalizar essa viagem.
- Selena, esteja pronta exatamente as 22:00. – Demi falou.

      Apenas os observei pular a janela, peguei o travesseiro e gritei com ele. Seria a primeira vez que viajaria sem meus pais e depois de muitas viagens perdidas, finalmente vou ter a liberdade que eu queria, nem que seja por quase três dias e depois me dedicar completamente à faculdade dos sonhos, dos meus pais, é claro. Não poderia estar mais ansiosa.

***
California, 23.12.2013.
22h00min, Selena Gomez.

     Já estava com minha única mala e minha bolsa em frente à porta de casa com meus pais, a qualquer momento Justin e meus amigos chegariam para me pegar. E mal me distrai e eles chegaram. Dei um forte abraço em conjunto com meus pais e recebi um beijo na testa de ambos, peguei minha mala e apressei os passos para dentro do carro que estava sendo dirigido por Joe – que buzinou para meus pais acenando – com Demi ao seu lado na frente e no banco de trás vinha Miley e Liam, em seguida com o banco acrescendo somente o Justin, que logicamente ficaria ao meu lado.

- No meio da noite, vou revisar o volante com o Joe. – Justin me avisou.

      No carro estava tudo em silencio, as luzes traseiras estavam apagadas. E Justin deslizava suas mãos em meu corpo, ele apertava meus seios, enquanto beijava meu pescoço. Olhei para frente e mesmo no escuro percebia que Miley fazia o mesmo com Liam, o que já era típico e com Demi e Joe, não podia ver nada por conta do banco alto. Apenas deixei Justin tomar conta de mim, apenas passava as mãos em seu cabelo. Ele me olhou e me deu um rápido beijo, suas mãos começaram a passar por baixo de minha roupa, apertava meus seios. Ele levantou minha blusa, sem querer tira-lá e abriu meu sutiã pela frente e começou a chupar meios seios, me controlei para me manter em silencio, mas aqui me excitava.

- Justin? – Joe o chamou, tomei um susto.
- Hm. – Justin pronunciou sem tirar a atenção do meu corpo.
- Estamos ficando sem gasolina e no gsp não diz nenhum posto por perto. – Joe.

      Olhamos um para a cara do outro, rapidamente arrumei minha blusa e passei a mão no meu rosto para me conter.

- Que horas são? – Miley perguntou, com uma voz grossa.
-É quase uma hora da manhã. – Demi respondeu, mostrando o celular com a hora.
- Vamos descer e eu com Liam procuramos um posto ou algo perto e vocês ficam aqui de olho, com o celular para nos ligar a qualquer momento. – Justin falou, se levantando e abrindo a porta. – Faremos o mesmo se acontecer algo.

(***)
Oi seguimores, como estão?
Nossa, eu ia postar e sim que demorei. Só que eu me foquei tanto na minha outra fic: Bad Blood (clique aqui e leia) que acabei me esquecendo de completar essa e infelizmente não sera finalizada ate o natal e provavelmente nem no ano novo. Mas posso adiantar para vocês que essa fanfic não é nada legal e não tem nenhum clichê natalino e sim uma fanfic de suspense e –talvez– nenhum pouco feliz. Espero que gostem dela e comentem, amo vocês.

xoxo, Bonnie.
LAYOUT E CODIFICAÇÃO POR ROH A. RAMOS DO BLOG | GNMH © 2017 - 2018